•05:19
Todas reclamam das dificuldades diárias, do estresse, da correria, mas são poucas as que se permitem acalentar a alma, proporcionar uma tranqüilidade ao Ser e entrar em sintonia com a sua Vida.

Buscamos incessantemente alegrias e prazeres externos, por estar mais próximo e cômodo, e isso acaba se tornando um círculo vicioso de futilidades, deixando em segundo plano o cuidar realmente de Si mesma.

Não percebemos que é de dentro que vêm todas as coisas, é da alma que refletem as coisas mais belas do mundo.
O nosso corpo é o templo da alma e é por isso que precisamos cuidá-lo, acariciá-lo, amá-lo muito, e tratá-lo com reverência e consciência. Devemos dar atenção aos pedidos e vontades do nosso Eu Interior, permitir que nossa criança interior desperte, brinque, sorria de verdade, libere as emoções sem medo de magoar e de sofrer. Precisamos alimentar a alma, o que é real e verdadeiro, que é a nossa essência, nos permitindo viver sem limites, tendo a audácia de inventar e criar do seu jeito, de ser quem você realmente é.

O trabalho holístico enxerga o individuo além dos cinco sentidos, ele vê com os olhos da alma, sem disfarces, sem personagens, sem fronteiras. Permite a ilusão do ego se dissipar, trazendo a transformação do Ser em plenitude, desvendando o melhor que existe em cada uma de nós.

Existe a oportunidade de reconexão com sua Alma, que foi perdida há muito tempo pelos caminhos tortuosos da vida, possibilitando a reconstrução das idéias, paradigmas, valores, tendências, etc... que existem dentro de você, e que foram colocados em sua mente pelas opiniões de várias pessoas que pensam diferentemente umas da outras, e dos quais nunca vamos saber se estão certas ou erradas, porque cada um tem seu karma, cada um tem sua vida e cada um tem a sua verdade interior.

Você não está aqui para desfilar com um corpinho escultural, roupinhas da moda e carro importado, e sim para desenvolver a sua Evolução.
Desejo que você conheça a perfeição que existe em tudo... a felicidade na simplicidade... a beleza do essencial. E com isso se desperte para vida, no aqui e agora, vivendo intensamente o momento presente, o presente da vida.

Todos nós estamos a serviço de algo, os rótulos convencionais são usados apenas para distinguir as necessidades do ego. A minha missão aqui é facilitar esse reencontro com tua essência, para que vivencie as experiências dessa vida com mais sabedoria e plenitude e dizer na partida: tenho orgulho do que Eu Sou e de cada minuto vivido aqui.
|
This entry was posted on 05:19 and is filed under . You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

1 comentários:

On 23 de fevereiro de 2010 22:04 , Simone Alves disse...

Fique a vontade para comentar sobre o artigo... Grata